Campanha “Sou Mulher, Sou Farmacêutica, Tenho Direitos!”

Atualmente, a categoria dos farmacêuticos no Brasil é composta de aproximadamente 130 mil profissionais, entre os quais 70% são de mulheres, de acordo com dados do Conselho Federal de Farmácia, compondo assim uma categoria majoritariamente feminina. Apesar do nítido predomínio das mulheres no universo farmacêutico,...

Atualmente, a categoria dos farmacêuticos no Brasil é composta de aproximadamente 130 mil profissionais, entre os quais 70% são de mulheres, de acordo com dados do Conselho Federal de Farmácia, compondo assim uma categoria majoritariamente feminina.

Apesar do nítido predomínio das mulheres no universo farmacêutico, as profissionais ainda convivem com desigualdades e injustiças. Diferenciação salarial no mesmo cargo entre homens e mulheres, exigência de boa aparência, dificuldades de ascensão profissional em cargos de poder, proibição do direito de amamentar, assédio moral e sexual entre outros problemas que, embora não exclusivos do gênero feminino, são as mulheres que mais sofrem.

Diante dessa realidade, a Federação Nacional dos Farmacêuticos, à qual o SINDIFARMA é filiado, lançou a Campanha “Sou Mulher, Sou Farmacêutica, Tenho Direitos!”. A Campanha pretende denunciar abusos e contribuir para a melhoria dos indicadores de trabalho nos espaços hoje ocupados pelas mulheres.

Para acessar a cartilha e outros materiais da campanha, acesse o link:
http://www.fenafar.org.br/portal/component/content/article/89-campanhas/997-sou-mulher.html