Menos uma multinacional farmacêutica

Menos uma multinacional farmacêutica Percorrendo vários portais da imprensa dita ‘de negócios’, pudemos observar que o duplo tema humano mais óbvio em tal circunstância: o da menor diversidade e a quantidade de pessoas que serão demitidas simplesmente não foi abordado, em nenhum deles. Como sempre,...

Menos uma multinacional farmacêutica
fusoes

Percorrendo vários portais da imprensa dita ‘de negócios’, pudemos observar que o duplo tema humano mais óbvio em tal circunstância: o da menor diversidade e a quantidade de pessoas que serão demitidas simplesmente não foi abordado, em nenhum deles.

Como sempre, infelizmente, tudo é tratado com oba-oba. Confira as informações adpatadas de uma fonte em português.

A fabricante de medicamentos genéricos Akorn vai comprar a rival Hi-Tech Pharmacal por 640.000.000 dólares, para expandir o seu portefólio de fármacos oftalmológicos para medicamentos líquidos e pomadas.

A Akorn vai pagar 43,50 dólares por acção da Hi-Tech, o que representa um ágio de 23,5 % sobre o último preço de cada ação.

O acordo será todo pago em dinheiro e tornará a Akorn a terceira maior fabricante de genéricos oftalmológicos nos EUA, aumentando significativamente a presença da companhia, tanto no segmento de medicamentos que exigem prescrição médica, quanto no mercado de fármacos OTC, disseram as companhias em comunicado.

A Akorn espera que o acordo aumente o seu lucro ajustado por acção imediatamente após o fecho do negócio, e leve a uma economia anual de cerca de 15 a 20.000.000 dólares dentro de 12 meses.

A companhia combinada deverá ter uma receita anual de mais de 500.000.000 dólares.

RCM Pharma, com informações da agência de notícias Reuters 0sindifarma22porcentoClipagem e edição: Marko Ajdarić